Como combater ameaças contra a integridade dos dados?

Últimos Posts

Populares

Encontre por categoria
TIVIT
By
Junho 18, 2021

Como combater ameaças contra a integridade dos dados?

Atualmente, um assunto que tem sido muito discutido é com relação à proteção de dados. A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) entrou em vigor em 2020. Porém, as punições para quem não se adequar às novas normas começarão a serem aplicadas em agosto de 2021. Ela é uma maneira de regular a coleta, armazenamento e uso de informações de usuários e clientes.

Neste texto, falaremos sobre a importância da integridade dos dados, bem como as possíveis ameaças que podem colocá-la em risco. Além disso, você saberá como contar com a ajuda da TIVIT para auxiliar a resolver esses problemas e fazer com que os dados da sua empresa e dos seus clientes permaneçam seguros e sejam utilizados com tranquilidade.

O que é a integridade dos dados?

A integridade dos dados se refere à consistência e confiabilidade dos dados coletados e utilizados pela empresa durante toda a sua vida útil. Dessa maneira, ela se forma de um conjunto de estratégias e processos que buscam deixar essas informações mais seguras, impedindo que algo seja perdido ou comprometido.

Quando um dado é vazado ou roubado, isso mostra uma grande falha da empresa em prezar pela sua segurança digital. Como resultado, a reputação da companhia pode ser afetada negativamente, ao mesmo tempo que os clientes, parceiros ou investidores podem se questionar sobre a idoneidade da organização.

Dentro da empresa, a exposição de certas informações pode comprometer o andamento de diversos processos e atividades, ao mesmo tempo em que a organização precisará fazer uma comoção para entender onde ocorreu essa falha e o que fazer para ela ser corrigida o mais rápido possível.

Que ações dizem respeito a essa integridade?

Basicamente, a integridade de dados é relacionada a processos para fazer a garantia, manutenção e consistência dessas informações ao longo dos procedimentos de coleta, design, implementação e uso propriamente dito. É importante que a integridade da informação não seja confundida com qualidade de dados e segurança de dados, uma vez que são coisas diferentes.

A qualidade de dados se refere, justamente, à condição dessas informações, levando em conta os padrões da empresa. São aplicadas regras para realizar a manutenção desses dados, fazendo com que eles sejam padronizados e armazenados em um banco de dados distinto, o que ajuda na sua diferenciação e busca.

Já a segurança dos dados está relacionada com as atividades e processos feitos para promover a segurança das informações corporativas, evitando que elas sejam usadas indevidamente. De maneira prática, ela faz com que as suas informações não sejam acessadas por qualquer um, permitindo que a empresa tenha um maior controle sobre elas.

Quais os tipos de integridade dos dados?

A integridade dos dados pode ser dividida em quatro tipos: integridade física, integridade lógica, integridade de domínio e integridade definida pelo usuário. O objetivo é cuidar de uma área específica da integridade de dados, permitindo que essa proteção se dê de maneira mais uniforme e eficiente.

Integridade física

Relacionado à proteção da totalidade e precisão das informações, enquanto elas são guardadas e recuperadas. Alguns problemas que podem afetar a integridade física dos dados são desastres naturais que costumam danificar os servidores, erros humanos, ataques hackers que interrompem funções, etc.

Integridade lógica

É aquela que garante aos dados serem inalterados, mesmo sendo usados de diversas maneiras dentro do banco de dados. É importante que eles não se alterem por erro humano ou ataques de criminosos. Ela é dividida em dois tipos: de referencial, que garante as informações serem armazenadas de maneira uniforme e utilitária; e a de entidade, que garante a precisão dessas informações.

Integridade de domínio

As informações são armazenadas em tabelas, linhas e colunas. A integridade de domínio faz com que esses dados delimitem os valores aceitáveis que cada coluna deve apresentar, tornando o processo mais preciso e organizado.

Integridade definida pelo usuário

Atua como um complemento das anteriores. Aqui, o próprio usuário pode ditar regras extras para que o armazenamento e manipulação de informações se dê de maneira mais segura e efetiva, de acordo com as necessidades da empresa.

O que pode ameaçar a integridade dos dados?

Agora que você entendeu um pouco mais sobre o que é a integridade dos dados, do que ela se trata e quais são os seus principais tipos, está na hora de conferir quais são os fatores que podem ameaçar a segurança das suas informações, que é justamente o que esse processo quer evitar, bem como suas consequências.

Hackers

Pessoas que tenham a intenção de roubar ou vazar os seus dados são uma grande ameaça para a integridade das suas informações. Elas conseguem burlar algumas barreiras de segurança e ter acesso aos seus dados, mesmo que eles não façam parte do quadro de funcionários ou tenham alguma relação com a sua empresa.

Malwares

Os malwares, bem como outros tipos de vírus, são programas criados por pessoas mal-intencionadas para fazer o roubo de informações e dados ou, até mesmo, um sequestro dessas informações (elas ficam bloqueadas até que o responsável pague um resgate em dinheiro). Entretanto, para que eles atuem, é preciso que sejam instalados no computador.

Erros

Erros humanos também podem ocasionar problemas de segurança. Uma informação vazada de propósito ou a inserção de dados incorretos causam obstáculos para toda a empresa, bem como a exclusão de informações importantes e que seriam utilizadas dentro da organização.

Como a Cybersecurity pode auxiliar na integridade dos dados?

Com o contexto em que o país se encontra, por meio da implementação da LGPD e da pandemia, que promove o isolamento social, muitas empresas tiveram que se adaptar. Em uma das edições do TIVIT Experience, contamos com profissionais de diferentes áreas para mostrar como estão lidando com a segurança de dados nessa nova era.

De acordo com Renato Wada, da Fidelity, a empresa conseguiu colocar cerca de 90% da empresa em home office, com toda segurança, criptografia de dados e tecnologias que ajudam a monitorar o usuário mesmo fora da empresa. Inclusive, até o setor de call center. Essas medidas ocorreram para dar conta da preocupação sobre a mudança da organização de trabalho, principalmente com relação a como os dados seriam protegidos, já que grande parte das atividades seriam feitas remotamente.

Luis Banhara, da Citrix, explicou a importância de um plano de continuidade dentro das empresas, fazendo com que a área de segurança já esteja bem desenhada, embutida e aplicada dentro das organizações, sem a necessidade de criar uma “solução temporária”. 66% dos funcionários perceberam que a sua produtividade aumentou quando essa estratégia foi implementada.

Assim, entendendo o que é a integridade dos dados e a importância de investir em cibersegurança para cuidar das informações da sua organização, você poderá contar com a TIVIT para fornecer todo o apoio nesse cenário.  

Com as soluções de Cybersecurity da TIVIT, você terá segurança e conformidade dos negócios no mundo híbrido e digital. Nosso objetivo é auxiliar na análise de riscos, prevenção de ataques e ajudar a implementar uma gestão de segurança da informação muito mais efetiva na sua empresa.  

 

Entre em contato conosco e saiba o que as nossas soluções em Cybersecurity pode fazer pela sua empresa!

Receba novidades

New call-to-action
New call-to-action

Categorias

Ver todas